quarta-feira, 27 de julho de 2011

Octogenário!

Já estou há oitenta anos na escola da vida!
Nem por isso, no entanto, sinto-me formado,
Ou pronto para a prova final, que é sofrida
Para quem não cuidou de um preparo adequado...


Perdoa-me, Senhor, por ter desperdiçado
A quadra que me deste para a pretendida
Melhora que não fiz; e sei que sou culpado!
Mas, por favor, meu Deus, retarda minha partida.


D´hoje em diante usarei o prazo que me resta
Para fazer do amor à Vida a melhor festa
E à qual convidarei a todos meus irmãos!


Quero recompensar o tempo que perdi,
Fazendo agora o bem com minhas próprias mãos
E merecer, no fim, chegar bem junto a Ti!


Amilton


25.07.1931 – 25.07.2011





Postar um comentário